Anunciados os nomes da Curadoria e Júri Inicial

Foi instituído pela Curadoria o Júri Inicial do Prêmio São Paulo de Literatura 2014.

O Júri Inicial escolherá os finalistas da primeira etapa da premiação, sendo até 10 obras na categoria Melhor Livro do Ano de 2013 e até 10 na categoria Melhores Livros do Ano de 2013 – Autores Estreantes (um prêmio para o melhor livro escrito por autor com menos 40 anos de idade e outro para o melhor livro escrito por autor com mais de 40 anos).

 

Veja os nomes da Curadoria e do Júri Inicial:

 

CURADORIA

 

► Andrea Saad Hossne

Possui mestrado e doutorado em Letras (Teoria Literária e Literatura Comparada) pela Universidade de São Paulo (USP). É professora do Departamento de Teoria Literária e Literatura Comparada da USP desde 1998. Foi professora/pesquisadora convidada da Université Paris 8, no ano letivo europeu de 2003/2004. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Teoria Literária e Literatura Comparada, atuando principalmente em teoria literária, literatura comparada, narrativa contemporânea e literatura brasileira contemporânea.

 

► José Castilho Marques Neto

Graduado em Filosofia pela Universidade de São Paulo (USP) (1976) e doutorado em Filosofia pela USP (1992). Atualmente é professor-assistente-doutor da Universidade Estadual Paulista (Unesp) Júlio de Mesquita Filho, Campus de Araraquara. Exerce, desde 1988, funções de direção editorial junto à Editora Unesp. Desde abril de 1996, é diretor-presidente da Fundação Editora da Unesp. Especializou-se em editoração universitária, sendo consultor de organismos nacionais e internacionais de editoração e leitura. Foi secretário-executivo do Plano Nacional do Livro e Leitura, vinculado aos Ministérios da Cultura e da Educação, de agosto de 2006 até abril de 2011, cargo que reassumiu em junho de 2013.

 

► Ligia Fonseca Ferreira

Bacharel com licenciatura plena em Letras pela USP. Mestrado em Análise Semiolinguística do Discurso pela Université de Paris XIII. Doutorado em Estudos Portugueses e Brasileiros pela Université de Paris III Sorbonne. Na França, lecionou na área de Estudos Portugueses e Brasileiros do Departamento de Letras da Université de Rennes 2, Bretanha. É docente do Departamento de Letras da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). É autora de Primeiras trovas burlescas de Luiz Gama e outros poemas (Martins Fontes, 2000) e Com a palavra Luiz Gama (Imprensa Oficial, 2011).

 

► Márcia Elísa Garcia de Grandi

Bibliotecária formada pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP), com especialização em Sistemas Automatizados de Informação pela PUC Campinas. MBA em Gestão e Tecnologias da Qualidade pela Escola Politécnica da USP. Exerceu cargos de supervisão e direção em bibliotecas da USP e na Sociedade Brasileira de Cultura Inglesa-SP. Tem trabalhos publicados nas áreas de Biblioteconomia e Ciência da Informação. Atualmente é bibliotecária da Faculdade de Medicina da USP. É membro da Câmara Setorial de Literatura do Conselho Estadual de Cultura e diretora Administrativo-financeiro da Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários, Cientistas da Informação e Instituições (Febab).

 

► Maria de Lourdes Ortiz Gandini Baldan

Graduada em Letras, com licenciatura em Português-Inglês e mestrado em Estudos Literários pela Unesp. Fez doutorado em Letras (Teoria Literária e Literatura Comparada) na Universidade de São Paulo (USP). Atualmente é professora-assistente doutora da Unesp, Campus de Araraquara. Atua como membro do corpo editorial das revistas Itinerários (Unesp) Baleia na Rede (Unesp/Marília) e Significação (UTP). Integra o Conselho Editorial Acadêmico da Editora da Unesp. É coordenadora do Grupo de Pesquisa Casa (Cadernos de Semiótica Aplicada). É conselheira da Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo, na Câmara Setorial de Literatura.

JÚRI INICIAL

► Jefferson Agostini Mello

Graduado em Letras (1996) e mestrado em Literatura (1999) pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e doutorado em Letras (Teoria Literária e Literatura Comparada) (2004) pela Universidade de São Paulo (USP). É docente da Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH) da USP. Está credenciado como orientador ao programa de pós-graduação em Estudos Culturais da EACH e em Literatura Brasileira da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Possui experiência na área de Letras, com ênfase na literatura em suas relações com os processos sociais, atuando, principalmente, nos temas poema em prosa, ficção brasileira contemporânea, poesia simbolista, Cruz e Sousa, história e teorias dos estudos culturais.

 

►Jiro Takahashi

Mestre em Linguística pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (FFLCH/USP) (Conceito CAPES 7). Possui graduação e licenciatura em Letras pela Universidade de São Paulo (1975). É professor universitário de língua, linguística e literatura nas Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU), no Centro Universitário Ibero-Americano e na Universidade Alvares Penteado (Unifecap-São Paulo). Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Linguística, Língua Portuguesa e Literatura Brasileira, atuando principalmente nos seguintes temas: semiótica, gramática, tradução e adaptação, teoria da literatura, comunicação empresarial e literatura brasileira. Tem mais de 30 anos de experiência em direção editorial nas editoras Ática, Nova Fronteira, Abril, Editora do Brasil, Estação Liberdade e Editora Prumo, do grupo Rocco.

 

► Manuel da Costa Pinto

Mestre em Teoria Literária pela Universidade de São Paulo (USP). Jornalista, crítico de literatura do programa Metrópolis, da TV Cultura, colunista da revista São Paulo e editor do Guia Folha – Livros, Discos, Filmes, ambos do jornal Folha de S.Paulo. É autor de Antologia comentada da poesia brasileira do século 21 e Literatura brasileira hoje (ambos da Publifolha), Paisagens interiores e outros ensaios e Albert Camus – Um elogio do ensaio (Ateliê). Organizador e tradutor de A inteligência e o cadafalso e outros ensaios, de Albert Camus (Record).

 

► Margaret Alves Antunes

Bibliotecária e bióloga, autora do livro Pequenos reparos em material bibliográficopublicado pela Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo, da série Notas de Biblioteca. Foi responsável pela coordenadoria-geral de bibliotecas da Unesp (2005-2008). Trabalhou com o acervo do Pe. Eugène Charbonneau, no Colégio Santa Cruz, no período de 2003 a 2010. Tem experiência na área de Ciência da Informação, atuando principalmente em bibliotecas universitárias e digitais, base de dados e consórcios. Atualmente trabalha com indicadores bibliográficos, periódicos científicos, rankings universitários e biblioteca digital. É membro do Projeto Transfopress: Rede transnacional para o estudo da imprensa em língua estrangeira – séculos XVIII-XX, com sedes na Université de Versailles Saint-Quentin-en-Yvelines, na França, e na Unesp, no Brasil.

 

► Maria Antonia Pavan de Santa Cruz

Formada em Letras pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas de São Paulo. Foi gerente da livraria Duas Cidades, no período de 1974 a 2006. Atualmente, gerencia a Livraria da Universidade Estadual Paulista – UNESP.

 

► Maria Celeste de Souza

Graduada e licenciada em Letras (Português) pela Universidade de São Paulo (USP). Leciona em cursos livres e escolas de educação básica, desde 1990. Especializou-se na formulação de cursos de redação em todos os níveis da educação básica. Em 2011, obteve o primeiro lugar no Concurso Dia Mundial da Ciência pela Paz e pelo Desenvolvimento promovido, da Unesco, pela orientação de artigo científico. Criou e produziu diversos materiais didáticos para o ensino de Língua Portuguesa para o Senai, em 2000. Foi coautora do material de apoio ao professor que acompanha o CD Sete episódios de Grande Sertão: Veredas, nas vozes de Antônio Cândido, Davi Arrigucci Jr. e José Mindlin. Desde 1987, ininterruptamente, tem participado das bancas de correção dos mais importantes vestibulares e concursos de São Paulo e do Brasil.

 

► Mirhiane Mendes de Abreu

Graduada em Letras pela Universidade Federal Fluminense. Mestrado em Letras, doutorado em Teoria e História Literária e estágio de pós-doutorado em Literatura Brasileira, pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Fez pesquisas na Universidade Sorbonne Nouvelle (Paris 3). Atualmente, é professora-adjunta de Literatura Brasileira na Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), Campus Guarulhos. Estudos de maior interesse: romance, história e crítica literárias, viagem, epistolografia, romantismo e modernismo, José de Alencar, Mário de Andrade e Ronald de Carvalho.

 

► Paloma Vidal

Escritora, tradutora e professora-adjunta de Teoria Literária na Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). Publicou, entre outros livros, os romances Algum lugar (2009) eMar azul (2012). Traduziu Clarice Lispector e Ferreira Gullar, entre outros autores. É editora da revista Grumo.

 

► Ricardo Ramos Filho

Escritor com livros editados no Brasil e no exterior, publicados em Portugal e nos Estados Unidos. Mestre em Letras no Programa de Estudos Comparados de Literaturas de Língua Portuguesa da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo. Desenvolve pesquisa na área de literatura infantil e juvenil, onde vem trabalhando academicamente a obra de Graciliano Ramos, privilegiando o olhar sobre seus textos para crianças e jovens. Ministra diversos cursos e oficinas literárias, é roteirista de cinema com roteiros premiados. Participa como jurado de concursos literários como Proac, Portugal Telecom, Prêmio São Paulo de Literatura. Graduado em Matemática pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1986). É vice-presidente da União Brasileira dos Escritores (UBE) São Paulo.

 

► Sandra Regina Ferro Espilotro

Bacharel e mestre em Ciências Biológicas pela Universidade de São Paulo (USP). Foi editora-executiva, gerente editorial e diretora da Editora Globo, atuando nas áreas de fascículos, CD-ROM, livros ilustrados, guias de viagem, literatura, ensaios e vida prática. Atua nas principais feiras de livros do mundo, como Frankfurt, Londres, Bolonha e Book Expo America, desde 1989. Foi diretora editorial na Ediouro Publicações, voltada para o mercado internacional. É consultora e ministra cursos sobre edição.

Compartilhar: